21 maio, 2010

Desejo realizado


Ele foi até legal comigo
me deixou no ponto de ônibus
vou para casa tomar um banho
ainda bem que é contra-fluxo

a música triste é lançada
maldita opção shuffle do iPod
uma lágrima cai involuntária
na verdade não deixei ela cair

meus olhos ficam borrados
nunca mais vou ver esse cara na minha vida
e nem queria
penso isso enquanto retoco a maquiagem

preciso treinar a não ter remorso
e também a me acostumar com a solidão
todos pensam que sou feliz
é só dizer que está tudo bem e sorrir


3 comentários:

ShakaR disse...

Você escreve muito bem! Passa o que sente pelas palavras, acho isso foda!

To seguindo ok?!
Continue assim!

Tuliio Mustannen disse...

É verdade, nada rima, exceto:

O desejo realizado, com frustração?

parece paradoxo.

Os olhos borrados e a desejo de nunca mais ver ninguem não rimam com desejso realizados..

Bom texto, "non sense" mas belo.

Cícero Barbosa disse...

obrigado Shakar!

obrigado Tuliio! acho que você quase pegou a história... rs Realmente existe a questão do contraste do desejo e da solidão. E da busca em preencher esse vazio com relacionamentos superficiais. Assim somos todos felizes e sem compromisso, como um produto qualquer numa prateleira de algum supermercado a espera de ser apanhado.