24 junho, 2010

Tempo real


Esperava te encontrar
meio-dia
e o resto do dia por vir
para te ver

estou na praça central
em um banco de concreto
olhava para a rua de baixo
olhava para a rua de cima

em todas que passavam
esperava você
não tinha o seu retrato
e nem você tinha o meu

na verdade foi aqui que te conheci
e hoje fazem trinta anos
onde víamos o pôr-do-sol
agora estão estes altos edifícios


3 comentários:

Dindi disse...

i loved!

LUCAS disse...

Man, adorei o post, eu visito aqui todo dia, sério! As vezes não comento, pois a net do trampo é bloqueada e quando eu chego em casa eu vou dormir kkk, mas enfim, sinto saldade dos seus posts, faz tempo que você não posta :) Abraços

Cícero Barbosa disse...

obrigado Dindi e Lucas... realmente, preciso atualizar isso aqui! hehehe