03 janeiro, 2010

Estou bem, apesar de não ventar


Encontrei neste papel
o verso de um informe
um alívio
poder jogar algumas palavras aqui

deixar-me falar
nossa história
vai e vem
sem trilha sonora desta vez

insisto em me sentir abandonado
perdido constantemente
um estrangeiro sem passaporte
sem país de origem

noites e noites
estão nessas linhas da última estrofe
o mesmo tema
sempre o mesmo

2 comentários:

Nanee disse...

Primeiro comentário do ano? =]
Beijos pra você, um excelente 2010!

Cícero Barbosa disse...

pra vc tbm Naaa!!!

beijos.